sábado, 12 de junho de 2010

Dia 12 de junho – Dia dos Namorados


    Hoje, dia 12 de junho se comemora no Brasil o dia dos namorados. Legal! Um dia inteiro para se comemorar o namoro – mas o que é o namoro? - Posso responder, talvez não facilmente, mas é um jogo, na verdade um jogo de amor, prazer e instinto.

    Com certeza a data foi criada não exclusivamente para homenagear os "pombinhos" Brasil e mundo a fora, mas sim para manter ativo durante todo o ano, com datas festivas, o comércio nosso de cada dia. As lojas precisam vender; as fábricas fabricar e as pessoas ter emprego para ganhar dinheiro e consumir. Bem, é assim que funciona a sociedade de consumo.

    Não estou querendo tirar o brilho da data de hoje, que em verdade representa o amor entre companheiros que se escolheram. Deveria ser bastante valorizado porque não é como amor de pai e mãe, mas sim um amor que surgiu entre duas pessoas e gerou um relacionamento e este pode ser duradouro ou não.

    Tem coisa melhor que namorar? Com certeza tem, mas namorar é muito bom... . Voltemos ao passado já encarquilhado em nossas lembranças e coloquemos em dia aqueles tempos de adolescentes quando namorar era tudo. Os hormônios a mil, o cérebro em galope e o desejo a flor da pele marcavam o caminho e ao final estava lá uma pessoa que recebia intensamente tudo aquilo que guardávamos em nosso interior.

    O coração batia forte só em pensar no momento do encontro e o frio na barriga espremia nossas vísceras como uma cólica passageira ao encontrar os olhos daquela que estávamos a espreitar. Sim, bastava um simples olhar e um cruzar de olhos para toda a reação ser deflagrada. E quando íamos para nossas casas? Dava vontade de ouvir a voz dela quando logo após girava a chave de casa.

    Entretanto, quando adolescentes experimentamos muitas vezes essas situações e ao amadurecermos ficamos mais seletivos e quase sempre escolhemos corretamente e podemos então transformar uma vida a dois num namoro eterno. Alguns vão dizer rapidamente após lerem estas linhas: - Que "canalha" mentiroso! Não é verdade! Hoje sou sincero e vejo realmente que com o amadurecimento podemos namorar sim eternamente a mesma pessoa. Basta não continuarmos adolescentes e ou encontrarmos alguém que amamos e que nos ame. Ah, isso sim é difícil!

    Para terminar digo que ser um eterno adolescente é importante, mas não em tudo, porque a vida nos exige sermos seres maduros em alguns momentos. Vamos ser adolescentes na intensidade do viver, em nossos namoros e na falta de medo de arriscar.

    Bom namoro e feliz dia dos namorados!

Um comentário:

Dora disse...

ainda sou uma adolescente com o coracao acelerado de saudade,pensando em ti a todo instante e te admirando eternamente...mil bjsss!!!!!

Loading...

Livros Interessantes

  • 1808 - Laurentino Gomes
  • 1822 - Laurentino Gomes
  • 64 Contos de Rubem Fonseca
  • A Cabana - William P. Young
  • A Farsa - Christopher Reich
  • A Teoria da Relatividade Especial e Geral - Albert Einstein
  • Agosto - Rubem Fonseca
  • Cidade de Ladrões - David Benioff
  • Como Vejo o Mundo - Albert Einstein
  • Dom Casmurro - Machado de Assis
  • GOG - Giovanni Papini
  • Mandrake: A Blíblia e a Bengala - Rubem Fonseca
  • Memórias Póstumas de Bras Cubas - Machado de Assis
  • O Andar do Bêbado - Leonard Mlodinow
  • O Círculo dos Mentirosos - Jean-Claude Carriere
  • O Imperador (4 Volumes) - Conn Iggulden
  • O Livro dos Livros Perdidos - Stuart Kelly
  • O Mestre de Quéops - Albert Salvadó
  • Para Ler Como Um Escritor - Francine Prose
  • Pós-Guerra - Tony Judt
  • Quem Somos Nós? William Arntz, Betsy Chasse, Mark Vicente
  • Rio das Flores - Miguel Sousa Tavares
  • Ser Feliz - Will Fergunson
  • Simplesmente Einstein - Richard Wolfson
  • Solar - Ian MacEwan
  • The Einstein Theory of Relativity - H.A. Lorentz
  • Vastas Emoções e Pensamentos Imperfeitos - Rubem Fonseca